Instituto Água Viva desenvolve projeto Bombeiro do Futuro no Sertão



Uma turma de adolescentes está sendo motivo de muito orgulho em duas cidades do Sertão Nordestino. São os alunos que participaram do Projeto Bombeiro do Futuro, realizado pelo Instituto Água Viva (IAV).



Eles receberam aulas de primeiros socorros, combate a incêndio, ordem unida militar, natação, conservação e preservação do meio ambiente, ética e cidadania, educação física, higiene bucal e prevenção e combate às drogas. Além disso, também fizeram visitas a unidades da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e da Polícia Federal. Todos os alunos do projeto recebem atendimento odontológico gratuito durante o curso.

A primeira turma fez as aulas em Boninal, no distrito chamado Nova Colina, na Região da Chapada Diamantina. Já a segunda turma formada é de Casa Nova, na Região do Semiárido baiano.

O coordenador do projeto, o tenente coronel da reserva do Corpo de Bombeiros Reinaldo Thomaz, explica que o curso é voltado para adolescentes até 15 anos, no período do contraturno escolar.


Geralmente, o curso tem duração de 13 a 15 semanas, com dois encontros semanais e os alunos recebem uniforme e lanche no período das aulas. Participam de cada turma 45 estudantes que estejam matriculados no ensino e com autorização dos pais ou responsáveis.

Além do tenente coronel Reinaldo Thomaz, que é pós-graduado em Segurança Pública pela Universidade Federal de Goiânia, o Projeto Bombeiro do Futuro também conta com Paulo Bastarrica, que é instrutor de segurança da ArcelorMittal no Espírito Santo e que trabalhou durante 12 anos como socorrista do Samu; e Fábio Luiz Tamanini, que é tenente do Corpo de Bombeiro e socorrista, instrutor de várias matérias de salvamento.