top of page

Instituto Água Viva chega a Matureia (PB), a terra da rapadura


A realidade do Nordeste brasileiro ainda é muito difícil. No Sertão, então, é onde se concentram a maior parte das cidades com menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do país. Com a expectativa de ajudar a mudar essa realidade, o Instituto Água Viva (IAV) está chegando em mais uma cidade: Matureia, na Paraíba.

Localizada a 317 KM

de João Pessoa, a capital paraibana, a cidade possui 6.433 habitantes, de acordo com dados do IBGE de 2022. Conhecida como Terra da Rapadura e sede de vários engenhos, Matureia tem sua economia girando em torno do funcionalismo público, aposentadorias, comércio local, pequenas agriculturas e benefícios federais.

Levi Custódio, responsável pela área de pesquisa e mobilização do IAV, diz que o local é um terreno fértil para a implantação dos projetos do Instituto. “Nas próximas semanas serão anunciadas quais atividades sociais iremos desenvolver na cidade”, afirmou Levi Custódio.


Em pouco tempo, o IAV pretende levar a Matureia as mesmas transformações que já chegaram a tantas outras cidade e povoados da região do Semiárido, por meio do trabalho dentro dos pilares da educação, geração de renda, saúde e esportes.

Atuando nos locais onde se encontram bolsões de pobreza, o IAV pretende contribuir com as mudanças deste cenário com ações visando a melhoria da qualidade de vida de cada família sertaneja para um futuro melhor.




Комментарии


bottom of page