Search Results for: "poços"

Construção de 10 poços no Sertão

A Realidade

O semiárido do Sertão Nordestino compreende regiões dos estados de Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí. Esta região possui os piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil e vive a pior crise hídrica dos últimos 30 anos. De acordo com dados de 2017 lançados pelo Banco Mundial de desenvolvimento, cerca de 90% da população local vive abaixo da linha de pobreza; o que significa que cada pessoa vive com menos de U$5,5 dólares por dia ou R$ 577,50 por mês. Sem água, trabalho e comida a população perece.

A água consumida em grande parte das comunidades rurais do Sertão do Nordeste é da chuva, e muitas famílias andam até 2 km para buscar água em pequenos reservatórios onde animais também se banham. Em algumas regiões a perfuração para encontrar água chega a 100m de profundidade e a água é imprópria para beber, ou seja, é salobra, necessitando de um dessalinizador.

A água é a base de sobrevivência e do desenvolvimento de um povo. E nós estamos aliançados em apoiar famílias sertanejas a se desenvolverem de forma integral, sendo agente de alteração do cenário social por meio do resgate da dignidade humana. Os desafios são enormes. A nossa missão tem sido ser uma esperança em meio a tantas desesperanças.

A Ideia

A água permeia do todo este conceito. Por isso, estamos unidos para a construção de:
10 poços de água

Em 10 localidade do Sertão do Nordeste brasileiro nos próximos 10 meses.

A meta é construir 01 poço por mês. Essa ação vai levar mais dignidade às famílias sertanejas inseridas em cada uma dessas comunidades rurais.

Enquanto a população da cidade vive em média com 167 litros/dia de consumo de água (potável, diga-se) o sertanejo do semiárido vive com pouco menos de 3 litros/mês. Na cidade, o banho de ducha por 15 minutos, com o registro meio aberto, consome 135 litros de água. Isso em apenas um banho diário. No Sertão, em muitas comunidades, não é possível tomar banho por dias. A água é usada para necessidades mais elementar, como beber e cozinhar.

Essa realidade é muito distante do nosso cotidiano e fica difícil sentir na pele, o que nossos olhos não viram! A Poucos se dispõe para ser alento, socorro e misericórdia para este povo.

Quem faz?

O Instituto Água Viva, uma organização sem fins lucrativos, criado 2015. Atuamos no Sertão do Nordeste, sobretudo nos estados da Bahia, Piauí e Pernambuco onde se observa um dos piores IDH do País, com renda pér. capta abaixo de ½ salário mínimo. Escolhemos a região do semiárido nordestino, por ser uma região de extrema pobreza e vulnerabilidade social, onde quase nenhum projeto governamental está inserido. Escolhemos transformar e impactar a geografia de uma região pouco apoiada no Brasil e a ser uma ponte para outras instituições na luta pela ressignificação e valoração do sertanejo.

Estamos alicerçados em 04 Pilares: Saúde, esporte, reforço escolar e empreendedorismo. O alicerce do reforço escolar conta com aulas de balé, música, inglês, informática, teatro e alfabetização. Já no empreendedorismo temos fábricas de bonés, camisas e chinelos; marcenaria, fábrica de violão, hidroponia, piscicultura, plantação de frutas, entre outras atividades. Com estes projetos atendemos diretamente mais 2.000 crianças por mês em situação risco social agravante, cercadas por abusos físicos e sexuais, sem nenhuma perspectiva educacional. E mais de 10 mil pessoas indiretamente.

Em 2017 conseguimos atender mais de 11 mil pessoas com mais de 18 mil procedimentos médicos e odontológicos, em 360 comunidades rurais. Muitos desses Sertanejos nunca tiveram a oportunidade de um atendimento médico. Além de construção de poços artesianos, doações de alimentos, kit escolar e higiênico; brinquedos e roupas.

Quem Ganha?

Localidades que serão alcançadas:
Bom Jesus da Lapa (BA) (2 Unidades);
Paratinga (BA);
São Félix do Coribe (BA);
Américo Dourado (BA);
Lapão (BA); Casa Nova (BA);
Juazeiro (BA);
Afrânio (PE);
Acauã (PI).

Como?

Cada poço artesiano será construído em terreno doado pela comunidade ou comprado pelo IAV e será entregue à base local do projeto social do Instituto para que seja feita a distribuição da água a todos da comunidade de forma organizada e igualitária.
O Poço será construído por uma empresa especializada da região. Para cada poço construído será feito o lançamento para aquela comunidade e inserido no portal do IAV.
A campanha estará no ar pelos próximos 04 meses, no site: www.institutoaguaviva.com.br e será na modalidade de ‘vaquinha online’. Toda doação será feita via sistema bancário seguro. A doação será uma única vez, e o valor começa em 30, 00 reais, ou seja, todos podem doar o equivalente a 1,00 real/dia e ajudar a matar a sede de milhares de pessoas que não têm a mesma oportunidade que nós de morar na cidade grande e ter água à disposição.

Custos

Cada poço custa em média 20 mil reais.

3

3 formas de ajudar o Sertão

O Sertão é uma área de extrema pobreza e vulnerabilidade social, onde quase nenhum projeto governamental está inserido, e os índices do IDH estão entre os piores do país. O Instituto Água Viva escolheu transformar e impactar a geografia de uma região pouco apoiada no Brasil por meio de projetos sociais. E você pode fazer parte disso: selecionamos 5 formas que você pode ajudar o Sertão. Confira!

1- Apadrinhe uma criança: milhares de crianças estão aguardando uma oportunidade para participar das ações sociais no Sertão. Para apadrinhar uma criança e participar da construção de um futuro brilhante, você pode fazer uma doação fixa mensal de R$ 30.

2- Apadrinhe um projeto: outra opção é apadrinhar um dos projetos do IAV, que levam mais oportunidades e qualidade de vida para as famílias sertanejas. No projeto Educação Complementar você proporcionará aulas de informática, reforço escolar e balé para mais de 500 crianças e adolescentes. Já no projeto Esportes, você apoiará cerca de 1500 alunos matriculados em 35 escolinhas.

No projeto Geração de Renda, sua doação ajudará a ampliar as fábricas de roupas, violão, doces, artesanatos e outras ações pontuais de renda nas comunidades. E no projeto de Saúde, você levará mais atendimento odontológico e médico a milhares de sertanejos que nunca tiveram a oportunidade de uma consulta.

3- Ajude a construir um poço de água: a água consumida na maioria das comunidades do Sertão é da chuva, e muitas famílias andam até 6 horas para buscar água em pequenos reservatórios onde animais também se banham. Para mudar esta realidade, queremos construir 10 poços artesianos, que vão levar mais dignidade às famílias sertanejas inseridas em cada uma das comunidades rurais. Conheça mais sobre este projeto!

Conheça o Instituto Água Viva!

Os desafios são enormes, e nós queremos ser esperança em meio a desesperanças. Precisamos e contamos com você! Clique aqui e una-se a nós!

Doe um litro de água por mês ao sertão

+ Água + Vida

Instituto Água Viva + Instituto Livres

O  Instituto Água Viva e o Instituto Livres se uniram para fazer uma revolução do amor! E queremos convidar você para fazer parte disso! Vamos juntos levar mais água às comunidades do sertão que sofrem com a seca… Nosso primeiro desafio é a construção de 10 poços artesianos em comunidades que sofrem com a seca no sertão. 

É um grande desafio, mas não nos faltam esforços e comprometimento em transformar essa dura realidade que provoca falta de recursos econômicos gerando fome e miséria no sertão nordestino.

Queremos te inspirar a ser conosco uma fonte de água viva para o sertão!
Números do Sertão
1.135R$ 123 miR$ 306 horas90%
municípios são atingidos pelas secas cada vez mais agressivas.por dia você transforma a vida de muitas famílias.de pessoas não tem acesso à água limpa.você contribui para que uma família receba água.por dia é a média que algumas famílias gastam para buscar água.das mortes por falta de água são de crianças com menos de 5 anos.
COMO DOAR
Conta:

Banco do Brasil (001)
Agência: 3431-2 | Conta Corrente: 132061-0
CNPJ: 22.941.057/0001-28
IAV – INSTITUTO AGUA VIVA

SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA

1

Dia Mundial da Água: faça sua parte!

A água é um recurso natural necessário para manter a vida e o equilíbrio dos ecossistemas. Neste dia 22 de março, quando é celebrado o Dia Mundial da Água, o Instituto Água Viva enfatiza a importância de garantir preservação deste patrimônio. A data foi instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) para alertar a população sobre a necessidade de preservar esta fonte de vida. Segundo um relatório da ONU, a falta de água pode afetar 5 bilhões de pessoas até o ano de 2050.

Água: dificuldades de acesso no Sertão

O povo sertanejo passa por muitas dificuldades. Entre elas a dificuldade de acesso à água. No Nordeste brasileiro, uma das áreas mais afetadas pela escassez de chuvas é o chamado Polígono das Secas, localizado nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Nesta região, não há rios abundantes capazes de fornecer umidade para provocar chuvas locais.

Projeto Poços de Água

A água consumida na maioria das localidades do Sertão é da chuva. Além disso, muitas famílias andam quilômetros para buscar água em pequenos reservatórios. Para mudar esta realidade, o Instituto Água Viva está construindo poços de água em terrenos doados pela comunidade ou comprados pelo IAV, que serão entregues à base local do projeto social para que seja feita a distribuição da água a todos da comunidade de forma organizada e igualitária.

Clique aqui para conhecer mais sobre o projeto e colaborar.

Seja uma gota viva!

Conheça os nossos projetos e ajude o Instituto Água Viva a levar mais saúde, educação e geração de renda para o Sertão. Saiba como ajudar!

1

Espalhando sorrisos pelo Sertão: saiba como ajudar!

O povo do sertão passa por muitas dificuldades, entre elas o acesso à água e saúde. Com sede de ajudar as famílias sertanejas, o Instituto Água Viva tem como missão transformar e impactar essa região e ser uma ponte na ressignificação e valorização do povo sertanejo. Para isso, precisamos de sua contribuição para dar continuidade aos pilares de nossa fundação. Saiba como ajudar!

Apadrinhe uma criança

Milhares de crianças estão aguardando para participar das ações sociais em mais de 400 comunidades rurais e quilombolas. Queremos participar da construção de oportunidades de um futuro brilhante para esses pequenos. Mas, para isso, precisamos de padrinhos que contribuam mensalmente com essa causa. Para apadrinhar uma criança, você pode fazer uma doação fixa mensal de R$ 30.

Apadrinhe um projeto

Você também pode ser padrinho de um dos projetos do IAV e ajudar a levar mais qualidade de vida ao Sertão. Toda a renda é revertida para os sertanejos, nós somos apenas uma ponte para gerar trabalho local. Juntos podemos ir mais longe e sermos respostas de amor ao Sertão!

No projeto Educação Complementar você fará parte de uma incrível experiência social, onde 500 crianças e adolescentes têm acesso a atividades como informática, reforço escolar e Ballet. Já no projeto Esportes, você apoiará cerca de 1500 alunos matriculados em 35 escolinhas.

Outra opção é o projeto Geração de Renda, em que você nos ajudará a ampliar as fábricas de roupas, violão, doces, artesanatos e outras ações pontuais de renda nas comunidades. Ao doar para o projeto Fomento à Saúde, você levará mais atendimento odontológico e médico a milhares de sertanejos que nunca tiveram a oportunidade de uma consulta. Por mês, mais de mil pessoas são atendidas, mas, com a sua ajuda, podemos ir muito além!

Seja voluntário

Se você é médico ou dentista, que tal ser voluntário e mudar a vida de milhares sertanejos? Pensando em alcançar mais pessoas e comunidades, estamos recrutando voluntários para o nosso time. Em 2018, foram quase 9 mil atendimentos e mais de 11 mil procedimentos médicos e odontológicos.

Festa solidária

Você sabia que a sua festa pode ser um instrumento de transformação social? Festas de casamento, aniversário e outras celebrações podem se tornar um momento ainda mais grandioso. Coloque no convite uma observação estimulando os convidados a levarem doações no lugar de presentes. As doações podem ser itens como leite em pó, tênis, roupas ou brinquedos que vão ajudar mais de 10 mil sertanejos espalhados por 400 comunidades no Sertão.

Poços de Água

O Sertão vive a pior crise hídrica dos últimos 30 anos. A água consumida em grande parte das comunidades rurais é da chuva, e muitas famílias andam até dois quilômetros para buscar água em pequenos reservatórios onde animais também se banham. Em algumas regiões, a perfuração para encontrar água chega a 100 metros de profundidade e a água é imprópria para beber, ou seja, é salobra, necessitando de um dessalinizador.

Você pode ajudar a mudar essa realidade! Estamos construindo 10 poços de água em localidades do Sertão nordestino. Cada poço artesiano será construído em terreno doado pela comunidade ou comprado pelo IAV e será entregue à base local do projeto social do Instituto para que seja feita a distribuição da água a todos da comunidade de forma organizada e igualitária. A campanha acontece na modalidade de ‘vaquinha online’. O valor começa em R$ 30, ou seja, você pode doar o equivalente a R$ 1 por dia e ajudar a matar a sede de milhares de pessoas.

Seja esperança em meio ao sertão e ajude o IAV a continuar levando sorrisos aos sertanejos!

0

Objetivos da ONU: como o Instituto Água Viva os coloca em prática!

Erradicar a extrema pobreza e garantir educação de qualidade, fome zero e água potável para todos. Esse são alguns dos objetivos estabelecidos na nova agenda global da Organização das Nações Unidas (ONU) para os próximos anos. As metas foram definidas em um encontro global e aprovadas, por unanimidade, pelos 193 países membros. O Instituto Água Viva aplica vários dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável em seu dia a dia. Saiba mais!

Erradicação da Pobreza

Para a ONU, erradicar a pobreza é um dos maiores desafios para o desenvolvimento sustentável. Esse também é um dos princípios do IAV! Nós ajudamos mais de 10 mil pessoas em uma região de extrema pobreza e vulnerabilidade social, onde quase nenhum projeto governamental está inserido. Atuamos nos pilares de saúde, esporte, educação e geração de renda.

Fome Zero

Segundo a ONU, há mais de 500 milhões de pessoas em situação de desnutrição no planeta. Por isso, uma das metas é que, até 2030, os países desenvolvam programas e políticas que possam aumentar a renda de suas famílias. O IAV faz parte disso, promovendo diversos projetos que visam dar oportunidades e aumentar a renda das famílias sertanejas.

Saúde e Bem-Estar

Entre as metas está a garantia de uma saúde de qualidade para todos, abordando a redução da mortalidade neonatal e a erradicação de doenças como o HIV, a tuberculose e a malária, além da conscientização quanto ao uso de álcool e drogas. O IAV conta com atendimentos e procedimentos médicos e odontológicos. Somente neste ano, foram quase 10 mil atendimentos e mais de 11 mil procedimentos no Sertão!

Educação de Qualidade

Assim como o IAV, a ONU tem como de suas metas garantir que a educação seja viável para todos. No semiárido nordestino, o projeto Educação Complementar oferece para as crianças uma oportunidade de fugir do ócio. Temos escolas de reforço escolar, de alfabetização, de balé, de música e de inglês espalhadas pelo sertão.

Água Potável e Saneamento

Você sabia que, segundo a ONU, a escassez de água afeta mais de 40% da população mundial? No Sertão nordestino não é diferente. A água consumida em grande parte das comunidades é da chuva, e muitas famílias andam até dois quilômetros para buscar água em pequenos reservatórios onde animais também se banham. Por isso, o IAV conta com um projeto de construção de 10 poços artesianos em localidades do Sertão, com objetivo de levar mais dignidade às famílias sertanejas.

Trabalho Descente e Crescimento Econômico

Apesar de estarmos no século 21, violações aos direitos trabalhistas ainda são uma realidade. Além disso, o desemprego é crescente, afetando principalmente os jovens sem formação. Para mudar esse cenário, o IAV trabalha com a perspectiva de implantar diversos projetos de geração de renda, como fábricas de camisas, bonés, brinquedos e instrumentos.

Redução das Desigualdades

Quando se fala em reduzir desigualdades, não se trata apenas de promover uma melhor distribuição de renda, mas sim de estreitar laços e gerar oportunidades para todos. Além dos projetos de geração de renda, o IAV promove minicursos para fomentar o crescimento dos indivíduos de comunidades carentes do sertão. Além disso, todas as atividades e projetos do instituto são voltados para todos, sem discriminação de gênero.

Paz, Justiça e Instituições Eficazes

A Nova Agenda Global ainda prevê que os países combatam a corrupção, a impunidade, as práticas abusivas e discriminatórias, a tortura, bem como todas as formas de restrição das liberdades individuais. Esse também é um dos princípios do IAV, que é agente de alteração do cenário social de centenas de famílias sertanejas.

Para continuar mudando esse cenário e dando oportunidades de vida aos sertanejos, precisamos de sua ajuda! Conheça mais sobre nossos projetos e contribua. Contamos com você!

Uma radiografia da seca nos estados do Nordeste

Data: 20/08/2018
Fonte: Maristela Crispim – Diário do Nordeste Online

 

A maioria dos municípios do Nordeste brasileiro já enfrenta situação e seca grave ou moderada. É o que mostra o atual mapa da cobertura vegetal da região, obtido por meio de monitoramento por satélite, realizado pelo Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites (Lapis). As imagens de satélites permitem analisar a rápida mudança na cobertura vegetal, de acordo com a expansão da seca pelos municípios da região.

Leia mais

Sofrendo com a seca, semiárido piauiense pode apresentar melhora em 2019

Data:25/06/2018
Fonte: Portal AZ

Jornalista: Wanderson Camêlo

O período chuvoso foi generoso para muitas cidades da região Norte piauiense. A chuva foi tanta no mês de abril (principalmente) que, como mostrado pela mídia local, causou danos consideráveis à população de cidades como José de Freitas, onde moradores tiveram de deixar suas casas por conta do risco do rompimento da barragem do Bezerro.

Leia mais